JESUS Disse para "Ter Cuidado" com o "Fermento de HERODES" – Então Devemos, Não É?

Coisas, e pessoas, as quais não devemos nos associar

6/2/2004

Jesus disse: “Estejam atentos e tenham cuidado com o fermento dos fariseus E COM O FERMENTO DE HERODES.” (Marcos 8:15)

Tenham cuidado com a infecção e a perversão do seu coração e mente que vem de estar perto da doença dos fariseus, ou da doença de Herodes. Estejam atentos. Essas “doenças” se espalham rapidamente, e são, consequentemente, fatais.

O fermento dos fariseus é óbvio: “Você consegue merecer Justiça ou favor se realizar algo, ou fazer ou deixar de fazer certas coisas. O tipo de coração que você tem, nos lugares secretos, não importa. Religião é sobre fazer e não fazer certas coisas para ganhar aprovação, aliviar uma consciência pesada e se isentar de culpa.” O “fermento dos fariseus” é contagioso. É uma praga de morte. Evite pessoas desse tipo, diz o Senhor.

O que foi o fermento de Herodes?

Carnalidade, tolice e orgulho decapitaram, assassinaram João. O fermento de Herodes, a sua doença, é igualmente comum hoje como aquele dos fariseus. Mesmo sendo diferente em natureza, o fermento de Herodes é comum, contagioso e mortal—tanto quanto o fermento dos fariseus.

“Estejam atentos e tenham cuidado com o fermento dos fariseus E COM O FERMENTO DE HERODES”, diz o Senhor.

O fermento de Herodes é expresso das seguintes maneiras:

Herodes temeu João.

Herodes o protegeu.

Herodes reconheceu que ele era um homem santo e justo.

Herodes ficou abismado quando o escutava.

Herodes gostava de ouvi-lo.

(Marcos 6:20)

Mas mesmo assim ele matou João—porque uma disposição de OBEDECER quando havia um custo, não se encontrava no fundo dessa aparência de admiração do Herodes por Verdade…

Tenha cuidado com o fermento de HERODES.

O Mestre chama esta coisa de Herodes de uma doença contagiosa e “fermento”, porque esta doença irá infectar qualquer um que não “evita tal pessoa”. Aqueles que cantam a canção de amor, mas NÃO OBEDECEM, aqueles que “admiram” Verdade, mas NÃO MUDAM, estes são homens e mulheres “insensatos” (Mt 7). Todos os que vivem nesta “casa” eventual e inevitavelmente serão esmagados quando os pilares e vigas caírem, diz o Senhor dos Exércitos. Não fique perto de qualquer pessoa assim, ou a doença vai pegar em você, de forma sutil e não intencional. “Admirar” ou “citar” ou “cantar” ou “promover” ou “exibir na internet” ou “atravessar terra e mar para exportar” ideias-da-Verdade, absorvendo e “usando” Verdade para si mesmo…vai substituir a obediência no homem interior. E, assim como o fermento se espalha e a embriaguez avança, não haverá nenhuma dor de consciência por desobediência. Matar a Vida de Deus, decapitado numa bandeja de prata, para satisfazer as perversões daqueles ao redor e o ritmo da dança, não vai ser tão difícil naquele momento como parece agora quando alguém pensa que está “protegendo a verdade”.

“Admirar a Verdade”, isto é, “cantar as canções de amor” ao invés de dobrar os joelhos em submissão a elas…não é um lugar seguro para se estar. Evite qualquer homem ou mulher assim. “Afaste-se desses também.”

“Estejam atentos e tenham cuidado com o fermento dos fariseus E COM O FERMENTO DE HERODES.”

G&P, -mv

aosseuspes.com
Portugues Languages icon
 Share icon