DAILY BIBLE READING
Read today's >

A maldição da autoconsciência

3/10/2016

Lembre-se que outras doenças, obviamente, têm alguns dos mesmos sintomas. Porém, o Grande Cirurgião recomenda que você fique atento aos seguintes sinais reveladores da doença da maldição da autoconsciência:

1. Um mau humor que descontroladamente muda para alegria se certas situações mudarem a seu favor ou pessoas notarem você ou lhe derem reconhecimento.

2. Orgulho de uma “realização” ou reconhecimento.

3. Depressão, algumas vezes por semanas, meses ou anos devido a uma maneira muito errada de encarar a vida.

4. Falta de fruto devido à natureza enraizada e debilitadora da autoconsciência sugando de você a Vida e a Esperança, muito como pornografia e a falta de perdão fazem.

5. Falta de satisfação As bênçãos imerecidas ou não são notadas, ou os motivos daqueles envolvidos são questionados, ou o medo de que elas são apenas temporárias roubam a gratidão e a satisfação que o Pai pretende para você.

6. Quando estamos viciados na autoconsciência, não teremos a capacidade de amar profundamente.

7. Também não teremos a capacidade de compartilhar compaixão e empatia com Deus e para com outros na medida em que ELE deseja.

8. Se somos viciados ou infectados por autoconsciência de formas que não são como Cristo, ou seremos viciados em feedback (sempre precisando de reconhecimento e respostas, e hiperventilando quando pensamos que alguém olhou para nós errado, ou não olhou, ou não conversou conosco), OU nos endureceremos com uma parede de proteção de aço frio para ninguém nos machucar.

Tudo isso é MORTAL!

A Cura:

1. Adorar sem cessar. Estou falando sério!

2. Confiar sem vacilar. DEUS abre todas as portas que o homem não pode abrir, e o homem não pode fechar. Isso não tem a ver com “você”, querido(a).

3. Pare de tolerar humores e pensamentos melancólicos. Pare com isso.

4. Tire os “sim, mas”, “isso não é justo” e “quem dera” do seu vocabulário interior.

5. Não monitore como você se sente. Se você não se sente bem, não se preocupe com isso. Não é de sua preocupação. Siga em frente com seus olhos voltados para os Céus e para outros. Estes “sentimentos” são somente química e impulsos de milivolts e NÃO são “você”. Ofereça-os para Deus como um presente e siga em frente. Pare de reconhecê-los como algo importante. Isso é tanto egoísta quanto ingênuo.

6. Não monitore o que você acha que os outros pensam Confie em Deus.

7. Não monitore como você vai aparentar numa situação se disser ou fizer algo. E em um nível mais superficial do que isso, não faça um grande caso de como você se “aparenta” fisicamente tanto na sua vestimenta quanto fisicamente para melhor ou pior. Isso é lamentável. E confiando em Deus enquanto você faz o seu melhor — deixando tudo para Ele, seja se estiver em favor ou rejeição com os homens — essa é a Maneira de Jesus para todos os verdadeiros Cristãos.

8. Não considere o medo em sua mente ou coração como “reais”. Mais uma vez, é apenas uma mistura biológica química e de milivolts. Lembre-se do que Jesus disse no barco nas águas tempestuosas com Seus amigos? Isso não mudou. :)

9. Desconsidere seus sucessos aparentes. Se você considerá-los como seus, você está se calibrando incorretamente para o futuro, para julgar outros, ser orgulhoso, estar deprimido, ansioso, ou para se esforçar em circunstâncias futuras.

A maldição, a doença de nos fazer pequenos deuses por AUTOCONSCIÊNCIA....

Não vamos mais fazer isso, combinado?

Abraço

aosseuspes.com
Portugues Languages icon
 Share icon